Esoterikha.com Página Principal
Nome de usuário:

Senha:

 


 
Esoterikha.com
 

  *  Página Principal
  *  Dia dos Namorados
  *  TV Esoterikha Videos
  *  Especial dia dos Pais
  *  Signs and Astrology
  *  Dia do Amigo 20/07
  *  Evangelho de Judas
  *  Frases e Mensagens Motivacionais
  *  Cursos Gratuitos
  *  O Segredo - PNL
  *  Cursos em CD ROM
  *  Astros e Namorados
  *  Iching Grátis
*Curso Magia das Runas
  *  Cabala dos Números
*Mistérios Vida e Morte
  *  Loja Esoterikha
  *  Lei da Atração
  *  Boletim Esoterikha
* Saúde Anatomia Oculta
  *  Grandes Mistérios
  *  Feng Shui
  *  Pirâmides
  *  Novidades do site
  *  Profecias
  *  Fale conosco - SAC
  *  Política Privacidade

 
Curso de Magia Branca e Teurgia
 

   *  Adquirir CD ROM
   *  Conteúdo
   *  Multimídia
   *  Video Aulas
   *  Magia Branca
   *  O Espelho Mágico
   *  Astrologia Esotérica
   *  Teurgia
   *  Rituais
   *  Numerologia Grátis
   *  Download Gratuito

 
Curso de Magia Elemental
 

   *  Adquirir CD ROM
   *  Conteúdo
   *  Multimídia
   *  Video Aulas
   *  Medicina Oculta
   *  Rituais
   *  Clarividência
   *  Vidas Passadas
   *  Viagem Astral
   *  Acorde Matrix
   *  Download Gratuito

 
Curso de Gnose Gnosis
     *  Curso de Gnose
   *  ( Totalmente Grátis )
   *  Curso de Cabala
   *  ( Totalmente Grátis )
   *  Curso de Tarot / Tarô
   *  ( Totalmente Grátis )
   *  Biblioteca Gnóstica
 
Numerologia
     *  Mapa Numerológico
   *  Numerologia
   *  Sinastria
   *  Veja um exemplo
 
Mapa Astral Sinastria Relacionamento
     *  Mapa Astral Grátis
   *  Mapa Astral Natal
   *  Mapa Sinastria
   *  Mapa Astral Família
   *  Veja um exemplo
   *  Participe !
 


www.esoterikha.com
Web

   

Grandes Mistérios > O Triângulo das Bermudas > O destino dos Barcos e o mistério para a ciência

O destino dos Barcos e o mistério para a ciência

O que acontece com os barcos? O fenômeno peculiar dos navios encontrados flutuando sem ninguém a bordo... pode ser explicado supondo que as erupções, como todas as vulcânicas conhecidas, variam quanto a sua densidade e magnitude.

Estes barcos poderiam ter sido bombardeados por fragmentos menores, sem potência suficiente para afundá-los. Mas o aterrorizante espetáculo das bombas de fogo surgindo subitamente do mar e abatendo-se sobre o navio provocaria tal pânico que a tripulação haveria de abandoná-lo imediatamente. A turbulência fervente da água, geralmente associada às erupções vulcânicas subterrâneas, unida à confusão nas ações de uma tripulação enlouquecida pelo espanto, excluiria toda esperança de sobrevivência em tais desastres.

O testemunho dos observadores

As observações dos poucos operadores de rádio que puderam descrever o que viam antes que seus aparelhos emudecessem, carecem de explicação até que as relacionamos com as bolas de fogo e a turbulência aquática que criaria uma perturbação subterrânea deste tipo: então tornam-se perfeitamente lógicas e adquirem todo seu sentido.

O fato de que estes misteriosos acontecimentos tenham lugar somente em certas datas, e de que milhares de navios e aviões cruzem diariamente esta zona tão freqüentada sem o menor incidente, parece indicar neles um caráter cíclico, semelhante ao dos vulcões.

Naturalmente estas singulares erupções poderiam ter lugar em outras zonas, como por exemplo o imenso Pacífico, longe das rotas aéreas e marítimas.

Talvez possamos examinar mais detalhadamente algumas das misteriosas desaparições ao redor do Japão e outras partes do Pacífico, para ver se também encaixam no esquema de geossinclinais profundos e dobramentos subterrâneos".

Não é explicado o aparecimento de nuvens e nevoeiros

Ainda que as sugestões de Waddington não postulem nenhum vínculo entre o Triângulo das Bermudas e a existência da Atlântida, de todas as maneiras as reações que descreve poderiam ter substituído até hoje como produto da catástrofe que causou o afundamento das terras atlantes sob o oceano. Porque temos que levar em conta outros inquietantes fatores que não podem ser atribuídos exclusivamente a erupções vulcânicas submarinas, como o insólito comportamento das nuvens, a aparição instantânea de nevoeiros fosforescentes, os "brancos" acompanhados de falhas eletrônicas, as luzes ou possiveis naves que entram e saem do campo visual no céu e sob a superfície do mar.

Um mistério para a ciência

Qualquer que seja a causa das desaparições e anomalias ocorridas no tristemente famoso Triângulo, continua sendo um mistério para a ciência. Todas as hipóteses que apontamos não são mais que explicações, mais ou menos possiveis, ao ocorrido.

desaparecimentos misterios ciencia

O único certo e comum nas centenas de desaparições é que os barcos e aviões desapareceram por completo ou que os barcos tenham sido encontrados sem suas tripulações.

O Triângulo das Bermudas nos faz pensar em terras perdidas, em civilizações submersas e em seres que visitaram a Terra durante séculos, vindo do espaço externo ou interno, e cuja origem e propósitos são desconhecidos.

Talvez dentro de alguns anos possamos encontrar respostas aos mistérios que o planeta Terra nos proporciona. Vivemos em um mundo no qual as linhas da ciência e a paraciência começam a ser unidas para tratar de explicar inumeráveis enigmas que nos são propostos, recordando o pensamento de Haldane: "O universo não é somente mais estranho do que o imaginamos, mas mais estranho do que podemos imaginar".

A experiência do Filadélfia

Alegadamente, uma experiência da marinha americana (Projecto Rainbow) feita em 28 de Outubro de 1943, durante a qual um destroyer, o USS Eldridge, foi tornado invisivel, desmaterializado e teletransportado de Filadélfia na Pensilvânia até Norfolk na Virginia, e trazido de volta à base naval de Filadelfia.

A experiência foi supostamente dirigida pelo Dr. Franklin Reno como uma aplicação da teoria do campo unificado de Einstein. A experiência provaria uma relação entre a gravidade e o electromagnetismo: um salto espaço-tempo electromagnético.

A Marinha americana nega que alguma vez tenha feito tal teste. Donde vieram tais histórias? Uma origem da alegada experiência é o mesmo homem que nos deu livros sobre a Atlântida, o Triângulo das Bermudas e a Arca de Noé: Charles Berlitz. Com William L. Moore, Berlitz é o autor de The Philadelphia Experiment: Project Invisibilty (New York: Fawcett Crest, 1979). No livro, tanto o barco como alguns tripulantes desaparecem numa outra dimensão, para não mais serem vistos.

Outra fonte é o filme de 1984, "The Philadelphia Experiment," dirigido por Stewart Raffill e baseado num script de William Gray e Michael Janover.

Uma outra fonte é uma carta escrita em 13 de Janeiro de 1965, por Carlos Miguel Allende (ou Carl Allen) ao Dr. Morris Jessup, um astrónomo e autor de "The Case For The UFO" (1995). Allende afirma ter assistido ao desaparecimento do USS Eldridge quando se encontrava a bordo do navio mercante SS Andrew Furuseth. Tambem afirma que membros da tripulação desapareceram no ar durante uma luta.

Então como alguem pode duvidar que se podem fazer desaparecer navios? Se a Marinha nega deve ser verdade (vidé teoria da conspiração). Ou seja, o Star Trek não é ficção.

O Triângulo das Bermudas, uma visão céptica sobre o assunto

Uma área no Oceano Atlântico ao largo da Florida onde a lenda afirma que muitos navios, aviões e pessoas desapareceram. Tambem conhecido como o Triângulo do Diabo, é limitado por Melbourne (Florida), Bermudas e Porto Rico. Como tantos desapareceram depende de que faz a localização e a contagem. O tamanho do triângulo varia de 500.000 milhas quadradas a três vezes mais, dependendo da imaginação do autor (alguns chegam a incluir os Açores, o Golfo do México e as Indias Ocidentais no "triangulo"). Alguns traçam o mistério até Colombo. Mesmo assim, os incidentes vão de 200 a não mais de 1000 nos ultimos 500 anos. Howard Rosenberg afirma que em 1973 a Guarda Costeira dos EUA respondeu a mais de 8.000 pedidos de ajuda na área e que mais de 50 navios e 20 aviões se perderam na zona, durante o ultimo século.

Muitas teorias foram dadas para explicar o extraordinário mistério dos aviões e navios desaparecidos. Extraterrestres, residuos de cristais da Atlantida, humanos com armas anti-gravidade ou outras tecnologias esquisitas, vórtices da quarta dimensão, estão entre os favoritos dos escritores de fantasias. Campos magnéticos estranhos, flatulências oceanicas (gaz metano do fundo do oceano) são os favoritos dos mais técnicos. O tempo (tempestades, furacões, tsunamis, terramotos, ondas, correntes, etc.) azar, piratas, cargas explosivas, navegantes incompetentes e outras causas naturais e humanas são as favoritas entre os investigadores cépticos.

Alguns cépticos argumentam que os factos não apoiam a lenda e que não existe mistério a ser solucionado, nada a necessitar de explicação. O numero de naufrágios na zona não é extraordinário, dado o seu tamanho, localização e o tráfego que recebe. Muitos dos navios e aviões que foram identificados como desaparecendo no Triangulo das Bermudas não estavam sequer no Triangulo. Até agora, não foi apresentada nenhuma prova cientifica de qualquer fenómeno invulgar envolvido nos desaparecimentos. Portanto, nenhumas explicações "cientificas", incluindo o metano a soltar-se do fundo do oceano, as perturbações magnéticas, etc., são necessárias. O verdadeiro mistério é como o Triangulo das Bermudas se tornou um mistério.

A lenda acerca do Triângulo das Bermudas começou pouco depois de cinco aviões da Marinha dos Estados Unidos (Missão 19) terem desaparecido em 1945 durante uma violenta tempestade, durante uma missão de treino. Pensou-se que mergulhadores tinham descoberto os aviões junto da costa europeia mas a inspecção dos numeros de série mostrou que se tratava de diferentes aviões. A teoria mais lógica é que os instrumentos do aparelho que comandava a missão falharam (os aviões de treino não estavam equipados com instrumentos de navegação) e o grupo perdeu-se e simplesmente, embora trágicamente, ficaram sem combustível não longe de terra. Nenhuma força misteriosa parece estar envolvida para lá das forças da natureza. Os aviões da Missão 19 podem estar afundados em águas profundas e nunca mais serem encontrados.

Ao longo dos anos, os orgãos de informação teem publicado muitas histórias sobre os "mistérios" do Triângulo das Bermudas. No seu estudo, Larry Kushe descobriu que poucos fizeram alguma investigação sobre o assunto. Em vez disso, passaram as especulações dos precessores como se passassem o sumo da verdade. Ninguem fez mais para criar o mito das forças misteriosa no Triângulo do que Charles Berlitz (é mesmo o das escolas de linguas). Um dos seus maiores criticos é Larry Kushe que afiança que "Se Berlitz afirmar que um barco é vermelho, a possibilidade de ele ser de outra cor é quase uma certeza." Após examinar mais de 400 páginas oficiais da Marinha dos EUA do relatório sobre o desaparecimento dos aviões em 1945, Kushe concluiu que nada havia de estranho no incidente nem encontrou qualquer menção de alegadas comunicações radio citadas por Berlitz no seu livro. Segundo Kushe, o que não é mal interpretado por Berlitz é inventado. Já agora, Berlitz não inventou o nome. Este foi dado por Vincent Gaddis em "The Deadly Bermuda Triangle", que apareceu em Fevereiro de 1964 na Argosy, uma revista dedicada à ficção.

Em resumo, o mistério do Triangulo das Bermudas é um tipo de reenforço comunal entre autores acriticos e orgãos de comunicação que passam a ideia especulativa de que algo misterioso se passa no Atlantico.

Leitura Complementar (Download Gratuito de Livro)

Aprofunde seus estudos fazendo Download Gratuito de livros do site Esoterikha.com

Coloque seu nome e e-mail no formulário abaixo, selecione um livro e clique em Download Gratuito. Nosso sistema enviará para seu e-mail o link direto para download do livro. Utilize um e-mail válido para receber o link. Não precisa nenhum cadastro nem pagar nenhuma taxa, o download do livro é totalmente gratuito.

Download Gratuito de Livros Esoterikha.com




Recomende este site e faça um amigo feliz!

Textos relacionados:

As Causas do Fim do Mundo

1- O Fim de um mundo

2 - Da Era de Peixes a Era de Aquário

3- O Futuro da Água, do Ar e do Átomo

4 - Poluição, Pragas, Contaminação e Morte

5 - O Sol, companheiro de Sirio

6 - Hercólubus, Asteroides e Explosões Nucleares

7 - A Era do Gelo, Glaciações e a Terceira Guerra Mundial

 

Nuvem

nuvem vista do alto

Nuvem é um conjunto visível de partículas diminutas de gelo ou água em seu estado líquido ou ainda de ambos, ao mesmo tempo, que se encontram em suspensão na atmosfera, após terem se condensado ou liquefeito em virtude de fenômenos atmosféricos. A nuvem pode também conter partículas de água líquida ou de gelo em maiores dimensões, e partículas procedentes, por exemplo, de vapores industriais, de fumaças ou de poeiras.

As nuvens apresentam diversas formas, que variam dependendo essencialmente da natureza, dimensões, número e distribuição espacial das partículas que a constituem e das correntes de ventos atmosféricos. A forma e cor da nuvem depende também da intensidade e da cor da luz que a nuvem recebe, bem como das posições relativas do ocupadas pelo observador e a fonte de luz (sol, lua, raios) em relação à nuvem.

Nevoeiro

O nevoeiro ou névoa é uma nuvem stratus cuja base está no solo ou perto dele e reduz a visibilidade a menos de 1000 metros. Pode ter origem no calor radiado durante a noite, em ar úmido que se move na horizontal e é arrefecido por baixo ou aparecer entre o ar quente e o ar frio numa frente.

O smog (smoke+fog) é um stratus misturado com poluição (que lhe dá um tom amarelado) que se forma quando se dá uma inversão climatérica (a temperatura aumenta com a altitude, em vez de diminuir) e a convecção pára porque a atmosfera, nessas condições, fica estável e o ar frio e poluído não se pode elevar, ficando «preso» perto da superfície.

Fonte: wikipedia/wiki/Nevoeiro

 

Recomende este site e faa um amigo feliz!

 
Web www.esoterikha.com
 
 
tracker


©2006 - Khaueh Produções Artísticas & Esoterikha.com - Todos os direitos reservados

Fale conosco - SAC | Política de Privacidade