Um funcionário motivado vale por 1000 - o caso Fedex - Motivação no Ambiente Organizacional

Certamente você já ouviu a expressão "vestir a camisa da empresa", isso no ambiente organizacional, nas pequenas e médias empresas é repetido exaustivamente, afinal, o que significa vestir a camisa da empresa? Confira o artigo que pode ser usado em práticas de motivação no trabalho que relata a história do funcionário da FEDEX, o funcionário nota 1000. Veja mais: Motivação | Motivação no Trabalho | Dinâmicas

Um funcionário motivado vale por 1000

A missão de um motorista de caminhão da Fedex não é apenas entregar as encomendas. É assegurar que tais encomendas cheguem aos seus destinatários em perfeitas condições e no prazo correto.

Estes motoristas têm em mente que não se tratam apenas de simples pacotes, trata-se de um material cirúrgico que poderá salvar a vida de alguém, ou de um contrato que poderá fechar ou desfazer um negócio, uma carta de amor para refazer um matrimônio desfeito, em fim, algo muito importante.

O cenário é o Noroeste do Canadá, um dia normal de novembro, inverno com temperaturas abaixo de zero e uma entrega a ser feita. Apenas uma.

O motorista da Fedex seguia sozinho em seu caminho, rumo ao ponto final de entrega. Já estava tão longe das grandes cidades que nem sinal de celular pegava mais.

Na metade do trajeto, perto da fronteira com o Alaska, uma barreira de neve havia desmoronado da montanha e obstruído a única via de acesso ao seu destino final. Mas o funcionário lembrou que há 50km atrás havia um heliporto. Virou seu caminhão, foi ao heliporto, e com seu cartão de crédito (lá nos EUA os limites de crédito são bem maiores) pagou o frete ida e volta de helicóptero para entregar sua encomenda a tempo, sem entrar em contato com a sede da Fedex. Na época gastou 5.000 dólares de seu limite de crédito. A entrega foi feita a tempo e o cliente ficou satisfeito.

Muitos colegas de outras empresas e até mesmo familiares ficaram admirados com a coragem do motorista. Muitos achavam que ele poderia ser demitido ou que não pudesse reaver o dinheiro gasto. Mas o motorista disse que não tinha nada a ver com coragem. Afirmou que só passou seu cartão de crédito porque tinha CERTEZA que sua empresa iria fazer seu ressarcimento, pois tinha plena convicção de sua missão e do que lhe é esperado, bem como dos valores de sua empresa.

Dito e feito. O fiel motorista teve seu cartão coberto pela Fedex e ainda ganhou a Medalha Púrpura, a maior premiação da Fedex, como forma de reconhecimento e agradecimento por seus esforços e dedicação.

Artigo de:Henrique Braga
Leia o artigo completo no site do autor: FEDEX

Sobre o conteúdo dessa página: O site Esoterikha.com é referencia nacional na área de divulgação de profissionais e treinamentos na área de Motivação, Liderança, Coaching, PNL entre outros. Os artigos completos bem como todos os créditos encontram-se no site dos autores. Para contratar ou adquirir produtos do autor você deverá entrar em contato diretamente com ele através do site indicado acima.

Esoterikha.com - Mensagens, Cursos e Treinamentos

©2003-2017 - Khaueh Produções Artísticas | Esoterikha.com - Todos os direitos reservados

Fale Conosco - SAC | Política de Privacidade